Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Ministério da Saúde apresenta Sistema DigiSUS Gestor para Mesa Diretora do CNS

Banner etapa municipal

Início do conteúdo da página

Ministério da Saúde apresenta Sistema DigiSUS Gestor para Mesa Diretora do CNS

  • Publicado: Quarta, 17 de Novembro de 2021, 17h56
imagem sem descrição.

Nesta quarta-feira (17/11), durante a 169ª reunião da mesa diretora do CNS, o coordenador-Geral de Fortalecimento da Gestão dos instrumentos de Planejamento do Sistema Único de Saúde (SUS), do Ministério da Saúde, Maurício Barros Ottoni, e a coordenadora-adjunta, Laeticia Jensen Eblen, detalharam para as conselheiras e os conselheiros presentes o funcionamento do sistema DigiSUS Gestor Módulo Planejamento. 

O DigiSUS é um sistema de informação para estados e municípios, desenvolvido a partir das normativas do planejamento do SUS e da internalização da lógica do ciclo de planejamento orçamentário, sendo proposto em substituição ao SargSUS. Este último, quando implementado, foi colocado para apreciação do CNS, diferente do que ocorreu agora com o DigiSUS, implementado sem a validação do controle social. 

WhatsApp Image 2021 11 17 at 16.46.19 1 1030x771

Criados no âmbito da antiga Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde em conjunto com o DataSUS, ambos têm o objetivo de apoiar os gestores municipais e estaduais na elaboração dos instrumentos de planejamento, especialmente do Relatório Anual de Gestão (RAG), ampliando a transparência e o monitoramento dos planos e dos gastos no SUS. 

Para Ottoni, a adesão dos Conselhos Estaduais e Municipais de Saúde é de fundamental importância para que o Sistema DigiSUS seja alimentado com os instrumentos de planejamento e respectivas informações da gestão federal do SUS. 

“É extremamente importante ter essa aproximação com o Conselho CNS.  A participação dos Conselhos Municipais e Estaduais de Saúde no DigiSUS Gestor é uma peça fundamental para o sistema e o CNS incentiva o uso do DigiSUS para a aprovação e apreciação dos relatórios de gestão”, destacou Ottoni. 

O presidente do CNS, Fernando Pigatto, falou sobre a importância dessa apresentação durante a reunião e sugeriu que ele seja apresentado aos novos conselheiros e conselheiras que tomarão posse no CNS no dia 16 de dezembro. “Foi muito importante esse diálogo aqui porque temos como indicar para quem chegar depois a importância desse sistema para a leitura da saúde no país”. 

Recomendação do CNS

A utilização do DigiSUS vem sendo pautada pelo CNS há alguns meses. Em agosto de 2021, o colegiado enviou a recomendação nº 024 para o Ministério da Saúde, solicitando que a gestão submeta para análise e deliberação do controle social na Saúde, conforme rege a legislação, a substituição do sistema SargSUS pelo Módulo Planejamento do DigiSUS. O documento também foi direcionado a Conselhos Municipais e Estaduais de Saúde, pois é necessário que os órgãos preencham as informações no DigiSUS para que não haja redução ou atraso de recursos nos próximos repasses.

A recomendação do CNS considera também a necessidade de reforçar o caráter tripartite do financiamento do SUS a partir do fortalecimento do processo de planejamento ascendente do SUS, bem como do processo de monitoramento e avaliação da implementação das ações e serviços públicos de saúde pelos conselhos de saúde junto aos três entes governamentais.

Saiba mais
http://conselho.saude.gov.br/ultimas-noticias-cns/2005-nao-preenchimento-de-informacoes-no-digisus-por-conselhos-e-secretarias-de-saude-pode-implicar-em-reducao-de-recursos

Leia a recomendação na íntegra
http://conselho.saude.gov.br/recomendacoes-cns/2001-recomendacao-n-024-de-30-de-agosto-de-2021

Ascom CNS 

registrado em:
Fim do conteúdo da página