Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - Informes > CNS recebe representantes do Ieps, Instituto Cactus e Umane

17 CNS

Início do conteúdo da página

CNS recebe representantes do Ieps, Instituto Cactus e Umane

Publicado: Quinta, 19 de Maio de 2022, 11h24
imagem sem descrição.

Na manhã desta quarta-feira (18/05), o Conselho Nacional de Saúde (CNS), representado pelo presidente, Fernando Pigatto, e pelo secretário-executivo adjunto do CNS, Marco Aurélio Pereira, se reuniu com os representantes do Instituto de Estudos para Políticas de Saúde (Ieps), Arthur Aguillar, Dayana Rosa e Rebeca Freitas; do Instituto Cactus, Luciana Barrancos; e da Umane, Evelyn Santos. Na ocasião, as associações da sociedade civil apresentaram para o CNS suas áreas de atuação e pautas prioritárias para a Saúde com o objetivo de alinhar possíveis intercâmbios de saberes com o controle social.

Pigatto falou sobre as atribuições do Controle Social no SUS, a importância da participação social na construção de políticas públicas, os ataques ao estado democrático de direito, que colocam a saúde da população em risco, e as principais reflexões sobre o fortalecimento do SUS no período da pandemia. 

O presidente do CNS ressaltou a importância das Conferências de Saúde que estão em andamento como instâncias importantes para a participação social, como a 5ª Conferência de Saúde Mental, que tem a etapa nacional prevista para os dias 8 a 11 de novembro; a 6ª Conferência de Saúde Indígena, programada para 14 a 18 de novembro; e a 17ª Conferência Nacional de Saúde, com etapa nacional prevista para ocorrer de 2 a 5 de julho de 2023.  

Também destacou a abertura das inscrições para composição de comissões intersetoriais para triênio 2022-2025 para entidades e movimentos sociais nacionais interessados. As inscrições se encerram no dia 3 de junho. As comissões acompanham e fiscalizam as ações e serviços do SUS e são compostas por até 36 membros, entre titulares e suplentes, com representações de usuários do SUS, profissionais de saúde, comunidade científica, gestores, prestadores de serviços de saúde e das entidades empresariais com atividades na área de saúde.

Entre os encaminhamentos, as entidades vão enviar estudos e peças de evidências para o CNS e também apresentar ao colegiado um projeto que será lançado no mês de junho com foco nas pautas prioritárias da saúde e no período eleitoral. 

Acesse aqui as fotos da reunião.

Ascom CNS

registrado em:
Fim do conteúdo da página